Unidade HARPYA

Atributos da Unidade

  • Idade: 13 anos
  • Gênero: Feminino
  • Cor do gênero
  • Cor da unidade
  • Grito de Guerra:
    Somos poderosas, somos vitoriosas, lutamos pra vencer, guerra a vencer.
    Harpya, Harpya, nossa unidade foi feita pra vencer.
    Haaarpya!
  • 5 Membros: Julia, Emine, Maria, Sara, Nicoly

Características da Ave

Nome científico/binomial: Harpia harpyja – Lineu, 1758
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Falconiformes
Gênero: Harpia
Espécie: H. Harpyja

Condição de preservação:

Destruição de seu habitat, uma vez que necessita de grandes áreas para viver. Atualmente, a harpia encontra-se praticamente restrita à floresta amazônica.
É ameaçada pela caça predatória. Seja por ser considerada perigosa para as criações de animais domésticos, seja pelo simples vandalismo.

Descrição das características:

A harpia possui, como principais características físicas, olhos pequenos, um longo topete, uma crista com duas penas maiores e uma cauda com três faixas cinzentas, que pode medir até 2/3 do comprimento da asa.
As harpias, como as águias em geral, são monogâmicas, unindo-se por toda a vida. Elas fazem ninhos em árvores muito altas, com galhos bem separados, de até 40 metros de altura. O casal dá uma cria a cada dois ou três anos. As fêmeas depositam um ovo ou dois, mas, caso ambos os ovos sejam incubados com sucesso, em condições naturais somente o primogênito sobrevive, já que o filhote maior invariavelmente matará o menor (este “cainismo” é comum a várias espécies de águia, e permite estratégias de conservação baseadas na remoção do filhote menor do ninho para criação artificial).

Alimentação:

Animais de médio porte como preguiças, macacos, filhotes de veado e caititu, aves como araras e serpentes.

Predadores:

A harpia está no topo da cadeia alimentar (não tem outros predadores a não ser o homem).